A mudança fará você encontrar a si mesmo.

Algumas vezes você quer mudar, nem que essa mudança seja pequena e quase imperceptível para quem está do lado de fora, sabe?

Imagem: Visual Hunt

Nem que seja a sua forma de enxergar o mundo e as pessoas nele, ou que seja a forma que você enxerga a si mesmo.

Você é um ser humano e é cheio de falhas, mas precisa ser mais bondoso consigo mesmo e precisa entender que seus anseios fazem de você alguém mais forte, bonito e melhor. As cicatrizes que você coleciona de amizades desfeitas e amores deixados para trás são o que te fazem acreditar que você ainda merece algo bom, mesmo que seja difícil.

Então tome o seu tempo.

Mude o cabelo, as roupas que usa e as músicas que escuta. Mude os livros que você lê, as páginas que você segue e o seu conceito de felicidade. Pare de seguir pessoas com as vidas em um conceito falso de felicidade e paz, e acredite: Nem todo mundo é feliz o tempo todo. Mude o fato de achar que as coisas dão errado só para você. Existem pessoas em situações piores – e mesmo que não possa (e nem queira) comparar, você sabe que é verdade.

Em algum momento a mudança vai lhe ser a mais útil das armas.

Você vai parar de se importar com as coisas pequenas que antes lhe machucavam.

Você vai perceber coisas que antes, pela cegueira do cansaço, não percebia.

Você vai lutar contra o que te deixa para baixo; e mesmo que nem sempre ganhe, você vai dar o seu melhor para passar pelos dias nublados e difíceis.

Não tenha medo, nunca, de mudar quem você é e suas concepções. As pessoas evoluem e se tornam mais fortes quando apontam para suas próprias falhas – e tentam se desfazer delas. Mas lembre-se de nunca mudar por expectativa de outra pessoa, nunca deixe de ser quem é porque alguém lhe disse que ser você é errado.

Errado é em uma sociedade como esta não ver a aceitação do único; não ver a contemplação da coragem de alguém ser diferente.

Errado é viver sua vida em projeção do que outra pessoa quer.

Liberdade.

É isso o que você procura quando quer mudar. É isso o que você vai encontrar.

Vanessa Simões, mas pode chamar de Van. 21 anos, formada em Gastronomia e logo em Pedagogia. Apaixonado por internet e contempladora de filmes e séries geeks-ou-não, jogos, música e em assistir receitas e tentar reproduzi-las. Tenta, em seu máximo, acompanhar todas as constantes mudanças e mostrar isso às outras pessoas.